A fim de consciencializar a comunidade sobre a importância e o valor do meio ambiente, pela segunda vez este ano, a Nova Acrópole organizou um dia para limpar um troço de 500 metros do Rio Este, na freguesia de Lomar.

Esta atividade faz parte do Projeto Rios desenvolvido pela ASPEA – Associação Portuguesa de Educação Ambiental, que visa consciencializar sobre o valor dos ecossistemas, tornar visíveis os problemas ambientais existentes e promover a participação da comunidade na sua conservação e melhoria.

A atividade foi organizada pelos membros voluntários da Nova Acrópole Famalicão e da Nova Acrópole Braga. Decorreu durante a manhã, na qual participaram cerca de 30 voluntários, jovens e adultos, depois de ouvir atentamente as explicações de Henrique Cachetas, coordenador da Nova Acrópole Braga.

De seguida, foram distribuídas luvas, sacos plásticos e ferramentas como pinças, tesouras, etc., para que a ação de limpeza ocorresse na maior segurança. Entre o lixo que foi retirado do leito do rio e da margem estavam plásticos, garrafas, roupas, sapatos, guarda-chuvas, pratos, pedaços de sanitas, chávenas, uma cafeteira, pedaços de colchões, partes metálicas e de aparatos eletrónicos, etc.

Conseguiram-se encher 40 sacos de 100 litros. O elemento que predominou foi o desperdício de plásticos. O alarmante destes, é que eles não se degradam completamente, mas são transformados em micropartículas que nunca desaparecem e acabam sendo ingeridas pelos peixes, ou seja, a presença de plásticos no rio põem em risco a vida dos peixes e as espécies que nele habitam, prejudicando toda a cadeia alimentar até chegar aos seres humanos.

Durante a manhã os participantes tiveram a oportunidade de partilhar um delicioso lanche oferecido pela Nova Acrópole. Foi lembrada a importância da boa disposição dos resíduos, bem como da reciclagem para evitar a poluição das águas e do ecossistema. Paralelamente, foi realizada uma monitorização das características do ecossistema ribeirinho, na qual foram medidos vários parâmetros: o caudal do rio, o PH, a presença das espécies da flora e de macroinvertebrados.

A Nova Acrópole agradece os esforços dos cidadãos que aderiram a este dia, aqueles que colaboraram na coordenação e patrocínio da atividade, e em especial ao Município de Braga por todo o apoio prestado.