Documentário

Documentário – Inhabit: uma perspetiva da permacultura

“Nós somos todos um” – foi com esta premissa que se iniciou mais um Eco vs Ego, desta vez com o documentário Inhabit – uma perspetiva da permacultura. Permacultura como design de resposta às necessidades da natureza e do ser humano como parte dela.

Esta perspetiva ecológica com capacidade para identificar problemas na agricultura, economia, governação, etc., parece ser em si também a solução. Nesse sentido foram dados exemplos concretos de projetos em andamento, e no seu testemunho pessoas comuns movidas por um ideal. Após o documentário abriu-se espaço a debate, iniciado pela intervenção da convidada Atimati Aroso.

Falou-se de agricultura regenerativa. “Regenerar o solo, a nós e à sociedade”, defende Atimati. Entre outros pontos, destacamos:

Solo – Necessidade de biodiversidade em detrimento de monocultura; uso de maquinaria prejudicial à dinâmica do solo e dos ecossistemas; importância da conservação de sementes e da não utilização de pesticidas.

Nós – Consciência do consumidor face ao tipo de produtos que adquire (ex. consumir produtos de época).

Sociedade – Consumo de informação fidedigna como chave para a consciencialização da população. “Temos que alarmar/acordar!”, afirma a convidada. E foi com este “aviso” que o documentário Inhabit habitou este fim de noite com a necessidade de uma “grande mudança”. Seremos nós, seres comuns, os seus agentes?

Agradecemos ao Município de Braga pela parceria na conclusão de um ano de projeto!

Comments are Closed

Theme by Anders Norén